RSS

Arquivo de etiquetas: molho

Molho Especial Furioso / Hamburger de Contra Filé

O molho especial do Big Mac é com certeza o mais apreciado entre as pessoas que já conversei sobre o assunto. Na minha opinião faltava algo, precisava ser mais caliente, mais furioso.

Essa semana vamos fazer o molho especial versão furioso e um hambúrguer de contra filé que achei sensacional, sugestão do meu amigo Juliano.

Vamos aos ingredientes do Molho Especial:

  • 5 colheres de sopa de maionese;
  • 1 colher de chá de mostarda;
  • 1 colher de sopa de vinagre de vinho branco;
  • 2 colheres de sopa de molho inglês;
  • 3 colheres de sopa de relish de pepino;
  • 1 colher de chá de alho em pó;
  • 1 colher de chá de cebola em pó;
  • 1 colher de sopa de páprica picante de qualidade.

Triture o relish de pepino em um processador ou pique em pedaços bem pequenos. O relish de pepino é bem difícil de achar no interior. Eu comprei em SP no Pão de Açúcar quando passei por lá, mas da pra comprar pela internet também.

Adicione os demais ingredientes e com um fuê misture bem até ficar um creme uniforme.

Está pronto! Esse molho também fica muito gostoso com saladas. Até eu que não gosto de salada aprovei a ideia da Dona Maria.

Vamos aos ingredientes do Hambúrguer:

  • 1 kg de contra filé;
  • 1 sache de sopa de cebola de 19g;
  • pimenta do reino moída ou 5 bayas;
  • sal grosso moído.

Eu moí a carne em casa, cortando em tiras grandes e jogando aos poucos no processador, retirando o excesso assim que começou a forçar o motor. Se pedir peça para o açougueiro moer pra você.

Escolhi um pedaço de carne com uma capa de gordura pequena, para manter uma proporção razoável de carne x gordura.

Após a carne estar moída, adicione a sopa de cebola e misture bem, muito bem. Eu optei por tirar os pedaços maiores de gordura que fui achando enquanto misturava a carne.

Faça bolinhas de carne de aproximadamente 120 gramas e molde em formato de hambúrguer. Se quiser deixar bem redondo, use um copo de boca grande ou um pote redondo para cortar o excesso. Leve ao freezer por 5 minutos para ganhar consistência. Rende 10 hambúrgueres.

Em uma frigideira bem quente e untada com azeite ou em uma chapa, coloque os hambúrgueres e salpique o sal grosso moído e a pimenta do reino moída. Vire e salpique o sal e pimenta do outro lado. Estará pronto quando estiver bem corada dos 2 lados.

Está pronto, monte o sanduíche do seu jeito, sempre com muito molho. Eu fritei fatias de bacon que ficaram bem crocantes.

Os hambúrgueres que sobraram, eu congelo ainda crú para aqueles momentos de preguiça.

Bom apetite!

Veja também:
Pancho Uruguayo
Pipoca com Calda de Chocolate
Molho pra Pizza
Hamburger Caseiro

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em Dezembro 13, 2013 em Carnes, Molhos, Sanduíches

 

Etiquetas: , , , , , , , , ,

Molho Barbecue do Outback

Cada restaurante tem a sua própria receita de barbecue com características bem distintas e comumente são uma decepção. Alguns parecem mais com geleia que com molho barbecue.

Pra mim quando penso em molho barbecue, o único que me vem a cabeça é do restaurante australiano. Como na minha cidade não tem, temos que improvisar em casa. [risos]

Vamos aos ingredientes:

  • 1/2 cebola pequena picada;
  • 1/2 xícara de água;
  • 1/2 xícara de açúcar mascavo;
  • 2 colheres de sopa de molho inglês;
  • 1/2 xícara de vinagre branco;
  • 2 xícaras de catchup;
  • 1 colheres de sopa de chilli em pó ou páprica picante;
  • 2 folhas de louro;
  • pimenta do reino;
  • sal;
  • azeite.

Apesar da quantidade de ingredientes, é bem simples e rápido de fazer.

Leve uma panela pequena ao fogo alto com um fio de olho. Adicione a cebola e frite até dourar.

Adicione a água, o açúcar mascavo e misture bem, adicione o vinagre branco, o molho inglês e o catchup. Misture bem novamente.

Adicione o sal a gosto, o chilli em pó ou a páprica picante (usei meia colher de cada), a pimenta do reino a gosto e as folhas de louro.

Abaixe o fogo e deixe ferver até o molho engrossar, mexendo constantemente. O ponto é quando parecer com um catchup de qualidade. Desligue o fogo e retire as folhas de louro para finalizar.

Se quiser, pode ser congelado.

Acompanha praticamente tudo, carne de porco, costela bovina, pizza de frango, hamburgers, wraps, entre outros. Escolha o prato principal e Bom apetite!

Veja também:
Pizza de Frango Barbecue
Costelinha com Geleia de Morango com Pimenta
T-Bone no Forno
Hamburger Caseiro

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em Dezembro 6, 2013 em Molhos

 

Etiquetas: , , , , , , , , , , ,

Pizza de Frango Barbecue

Eu nunca gostei de pizza de frango, mas recentemente fui jantar em uma famosa rede de pizzarias e tinha um novo sabor que me chamou muito a atenção, Frango Barbecue. Apesar de ter gostado muito, fiquei com o pensamento que poderia ser melhorado.

Usei como referência o recheio de uma torta de frango que sempre fazemos, em breve publico a receita, e adaptei para molho barbecue. O resultado superou todas as expectativas e se tornou um dos meus sabores favoritos.

Vamos aos ingredientes para uma pizza de 30 cm:

  • massa de pizza (veja a receita A Melhor Massa de Pizza);
  • 160 gramas de molho de tomate pra pizza (veja a receita Molho pra Pizza);
  • 150 gramas de queijo mussarela ralado;
  • 250 gramas de peito de frango;
  • 1 dente de alho;
  • 1 folha de louro;
  • chilli em pó;
  • 5 colheres de sopa de molho barbecue;
  • sal.

Primeiro vamos preparar o frango. Corte o peito de frango em cubos grandes para facilitar o cozimento e coloque-o em uma panela, juntamente com o alho inteiro, a folha de louro, uma pitada de chilli em pó e sal a gosto. Adicione água suficiente para cobrir o frango e leve ao fogo alto. Deixe ferver até a água evaporar quase por completo.

Adicione uma colher de sopa de molho barbecue, misture bem e deixe amornar.

Para desfiar o frango, utilizei um mini processador, utilizando a lâmina pra bolo (de plástico). Facilita muito o trabalho. Coloque no mini processador alguns pedaços de frango e barbecue à gosto. Como o molho barbecue que usei era forte, um tipo defumado, utilizei uma colher de sopa, mas você pode usar mais se achar necessário.

Ligue o mini processador por alguns instantes e o frango estará desfiado e integrado ao molho barbecue. Repita até que todo o frango esteja desfiado.

Para finalizar, caso tenha sobrado algum pedaço maior de frango depois de passar pelo mini processador, termino de desfiar com a mão.

Agora vamos montar a pizza:

Espalhe bem o molho da pizza de forma regular até as bordas. Espalhe uniformemente o queijo mussarela, o frango desfiado e um pouco de orégano, só o suficiente pra dar um gostinho.

Se quiser deixar mais molhadinha, regue com um pouco de azeite de oliva de qualidade. Eu não o fiz porque o frango já ficou úmido o suficiente com o barbecue.

Leve ao forno e assim que as bordas da massa estiverem corada e o queijo bem derretido, estará pronta.

Retire do forno com cuidado para não se queimar e está pronto para servir.

Veja também:

Pizza Marguerita
Pizza de Parma com Rúcula
Pizza de Abobrinha
Pizza Aperitivo (crostini)

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em Agosto 18, 2013 em Pizzas

 

Etiquetas: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Strogonoff de Camarão

Pra mim só existe um prato melhor que strogonoff de carne, o strogonoff de camarão. [risos]. Não fazemos com frequência, mas quando fazemos é um acontecimento.

Segue ingredientes:

  • 300 gramas de camarão branco pré-cozido descascado;
  • 340 gramas de molho de tomate tradicional;
  • 1 dente grande de alho;
  • 1 cebola média;
  • 1 colher de sopa de colorau;
  • 1 pimenta dedo de moça;
  • 200 gramas de creme de leite de caixinha;
  • 50 gramas de champignon fatiado;
  • azeite;
  • sal a gosto.

Em uma panela com fogo médio, coloque um fio de azeite e refogue a cebola picada, após adicione o alho picado,  a pimenta dedo de moça picada sem semente e por último o colorau.

Adicione o camarão, misture e deixe fervendo por 3 minutos. Adicione o molho de tomate, o sal a gosto e reduza o fogo. Tampe e deixe até ferver.

Quando estiver borbulhando adicione o champignon fatiado e o creme de leite. Uso o creme de leite de caixinha porque os demais tipos se ferverem vão talhar e estragar a receita.

Desligue o fogo e está pronto para servir com arroz ou purê de batata e batata palha extra fina.

Para acompanhar, um vinho branco vai bem.

Bom apetite!

Veja também:
Strogonoff de Carne
Carne de Panela à Mexicana
T-Bone no Forno
Picanha Grelhada

 
1 Comentário

Publicado por em Agosto 11, 2013 em Carnes, Molhos

 

Etiquetas: , , , , , , , , , , , , , ,

Pizza Marguerita

Há muito tempo atrás a dona Maria me pediu para fazer uma pizza de tomate, conhecida com Marguerita. A minha reação imediata foi “WHAT?” Como assim pizza marguerita? E a calabresa? e o bacon?

Como a última palavra aqui em casa sempre é minha [risos], acabei fazendo e pra minha surpresa ficou muito boa. Muito boa mesmo.

Atualmente é a melhor pizza que já comi e virou uma tradição aqui em casa. Sempre que faço pizza, um dos sabores obrigatórios é a marguerita.

Vamos aos ingredientes para uma pizza de 30 cm:

  • massa de pizza (veja a receita A Melhor Massa de Pizza);
  • 160 gramas de molho de tomate pra pizza (veja a receita Molho pra Pizza);
  • 150 gramas de queijo mussarela ralado;
  • 4 tomates médios bem maduros;
  • 2 galhinhos de manjericão fresco.
  • 50 gramas de queijo provolone relado;
  • azeite de oliva;
  • orégano.

Primeiro vamos preparar o tomate. Ferva a água e coloque em uma tigela. Pegue os tomates e faça um corte na parte de baixo deles, no formato de cruz,  ou de um “+” ou se preferir, um “X”. [risos]

Coloque os tomates dentro da tigela com a água fervente. Após uns 5 minutos você irá notar que a pele do tomate começou a soltar. Retire os tomates da água com cuidado para não se queimar e em uma torneira com água fria você conseguirá lavar o tomate soltando a pele com a mão.

Importante: o tomate tem que estar bem maduro senão a pele não solta e não ferva a água junto com o tomate senão irá se desmanchar. O tomate é adicionado na água já fervendo.

Feito isso, retire o miolo do tomate e pique em cubinhos.

Eu prefiro o tomate picado porque na minha opinião fica mais saboroso. Recomendo que o melhor momento de provar este sabor é na época de colheita do tomate, quando o seu sabor fica mais intenso, doce e não muito acido e com isso mais gostoso que o tomate fora de estação.

Agora vamos montar a pizza:

Espalhe bem o molho da pizza de forma regular até as bordas. Espalhe uniformemente nessa ordem: o queijo mussarela, os tomates picados, o queijo provolone e um pouco de orégano, só o suficiente pra dar um gostinho.

Lave bem o manjericão e retire as folhas do caule e espalhe-as bem sobre a pizza. Utilize manjericão fresco para dar um sabor mais intenso. Nos maiores supermercados sempre vendem maços de manjericão fresco.

Regue a pizza com azeite de oliva de qualidade, principalmente sobre as folhas de manjericão, para que elas não queimem no forno, deixando um gosto amargo.

Leve ao forno, se a massa não for pré-assada, o ponto é quando o queijo começar a borbulhar no centro da pizza.

Retire do forno com cuidado para não se queimar e está pronto para servir.

Este sabor não pode ser congelado.

Veja também:

Pizza de Parma com Rúcula
Pizza de Abobrinha
Pizza Aperitivo (crostini)

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em Julho 28, 2013 em Pizzas

 

Etiquetas: , , , , , , , , , , , , , , , ,

Strogonoff de Carne

Esse é com certeza o meu prato favorito, porém é muito raro achar um restaurante que sirva um strogonoff de qualidade, ou pelo menos razoável. Moral da história, quer um strogonoff gostoso, faça você mesmo.

É rápido, fácil, barato e gostoso. Tudo que é necessário para uma refeição sem grandes pretensões.

Segue ingredientes:

  • 700 gramas de alcatra sem osso;
  • 340 gramas de molho de tomate tradicional;
  • 170 ml de água;
  • 2 dentes grandes de alho;
  • 1 cebola grande;
  • 1 colher chá de páprica picante;
  • 1 pitada de mostarda em pó inglesa;
  • 1 pitada de pimenta habanero;
  • 1 pitada de pimenta síria;
  • 200 gramas de creme de leite de caixinha;
  • 160 gramas de champignon fatiado;
  • azeite;
  • sal a gosto.

Vamos iniciar preparando a carne. Eu comprei alcatra pra strogonoff já picada, mas você pode comprar uma peça inteira, e cortar em tirinhas fininhas. Em uma panela com fogo alto, coloque um fio de azeite e adicione a carne. Vá mexendo para que fique soltinha. Frite até que evapore toda a água. 

Adicione o alho, misture com a carne e em seguida adicione a cebola. Misture até a cebola começar a dourar, adicione o sal a gosto, a páprica picante, a pimenta habanero, a mostarda em pó inglesa e a pimenta da síria. Misture bem e abaixe um pouco o fogo.

Adicione o molho de tomate, a água e deixe ferver em fogo médio até o molho engrossar. Adicione o champignon fatiado e deixe ferver mais alguns instantes. Nesse ponto você pode retirar metade do molho e congelar para usar outro dia, basta descongelar e continuar a receita desse ponto.

Com a restante do molho que sobrou na panela, adicione o creme de leite e mexa bem até ferver. Uso o creme de leite de caixinha porque os demais tipos se ferverem vão talhar e estragar a receita.

Desligue o fogo e está pronto para servir com arroz e batata palha extra fina. Ao invés do arroz, já usei purê de batata e ficou muito bom. Para beber, um suquinho natural de laranja.

Apesar de ter sido usado várias pimentas, a picância é bem suave porque foram adicionados pequenas quantidades, dando sabor mas não ardência.

Caso você queira modelar o arroz como na foto, pegue um potinho de porcelana, unte com manteiga e pegue o arroz fresco, ainda sem ter terminado completamente a fervura e coloque no potinho, apertando com a colher. Vire no prato, mas não retire desenforme de imediato. Deixe uns 3 a 5 minutos para terminar a fervura e aí sim desenforme. Irá manter a forma e quando for comer o arroz estará bem soltinho.

Bom apetite!

Veja também:
Costelinha com Geleia de Morango com Pimenta 
T-Bone no Forno
Picanha Grelhada

 
1 Comentário

Publicado por em Junho 30, 2013 em Carnes, Molhos

 

Etiquetas: , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Mini Pizza pra Micro-ondas

Para aquelas horas que bate aquela fominha e a preguiça toma conta, nada melhor que achar no freezer aquelas mini pizzas prontinhas só pra pôr no micro-ondas.

O sabor fica igual das pizzas normais, porém perde um pouco da crocância devido ao micro-ondas, mas se preferir pode levar ao forno convencional.

Vamos aos ingredientes para fazer de 10 a 12 mini pizzas:

  • massa de pizza (aqui a receita da Melhor Massa de Pizza);
  • 400 gramas de molho de tomate pra pizza;
  • 400 gramas de queijo mussarela ralado;
  • pimenta moída a gosto;
  • azeite de oliva;
  • tempero para pizza à gosto.

Para fazer a cobertura, optei por 2 sabores, calabresa e paulista. Vamos aos ingredientes:

  • 1/2 lada de milho;
  • 1/2 vidro de palmito;
  • 1 tomate italiano;
  • 120 gramas de calabresa fina;
  • pimenta calabresa.

Primeiro vamos preparar a massa. Para facilitar abrir a massa, é bom fazê-la no dia anterior, e deixar na geladeira em recipiente bem fechado.

Faça pequenas bolinhas, e em uma bancada, polvilhe trigo e vá abrindo a massa com um rolo de macarrão, ou garrafinha de vidro lisa, fazendo pressão, empurrando de um lado ao outro.

Gire um pouco a massa e abra novamente, gire mais um pouco e abra novamente. Dessa forma a massa irá ficando circular.

Repita até a massa atingir o tamanho desejado. Não deixe muito grossa, nem fina demais.

Leve ao forno pré-aquecido a temperatura média até corar levemente por baixo.

Retire e deixe esfriar.

Para montar, espalhe uma colher de molho, em seguida espalhe uma camada generosa de queijo.

Para o sabor paulista, misture o milho com o palmito picado e espalhe a quantidade desejada sobre o queijo. Adicione uma rodela fina de tomate e tempere com pimenta moída a gosto e uma pitada de tempero pronto pra pizza. Regue levemente com azeite de oliva.

Para o sabor calabresa, corte a calabresa em rodela finas. Espalhe a quantidade desejada sobre o queijo, tempere com pimenta calabresa a gosto e uma pitada de tempero pronto pra pizza. Regue levemente com azeite de oliva.

Está pronto, basta enrolar em plástico filme e congelar. Nesse caso como o tomate é em pequena quantidade, não tem problema em congelá-lo.

Para esquentar, retire do plástico filme e leve ao micro-ondas por 4 minutos em potência baixa caso esteja congelada, ou 2 minutos caso esteja em temperatura ambiente e mais 30 segundos em potência alta para o queijo borbulhar.

É um pouco trabalhosa, mas rende bem. O custo ficou abaixo de 1/3 das compradas em mercados e padarias, e o sabor ficou imbatível. Vale muito a pena.

Bom apetite!

Veja também:

Molho pra Pizza
Pizza Aperitivo (crostini)
Pizza de Abobrinha

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em Maio 6, 2013 em Pizzas

 

Etiquetas: , , , , , , , , , , , , , ,

Molho pra Pizza

Você já fez uma pizza e na hora de comer ficou com a sensação de estar faltando algo? Provavelmente era o molho que não era de qualidade ou não era apropriado.

O molho da pizza não pode sobrepôr o sabor da cobertura, mas é ele que irá dar o tom no sabor.

Vamos aos ingredientes:

  • 1 cebola;
  • 1 dente de alho;
  • azeite;
  • 400gr de tomate sem pele;
  • 1/2 colher de chá de manjericão fresco;
  • 1/2 colher de chá de orégano;
  • 1 colher de chá de açúcar;
  • 1 folha de louro;
  • 2 colheres de extrato de tomate;
  • pimenta moída;
  • sal.

Primeiro, cubra levemente o fundo de uma panela com o azeite, leve ao fogo, adicione o alho picado. Lembre-se que o alho não pode corar, senão irá ficar amargo. Logo em seguida adicione a cebola picada.

Refogue até dar uma leve murchada na cebola, e adicione o tomate sem pele picado. Você pode utilizar aqueles tomates sem pele enlatados que é mais barato e mais prático (nesse caso, amasse os tomates com um amassador).

Deixe ferver em fogo baixo sem tampar por 15 minutos.

Adicione o açúcar, que irá tirar a acidez do molho (muito importante), o louro, a pimenta a gosto (não exagere),  e o sal a gosto. A partir daqui você precisará mexer o molho com uma certa frequência para não grudar.

Deixe ferver por mais 10 minutos.

Adicione o manjericão fresco e o orégano e deixe ferver mais 10 minutos.

Nesse estágio, eu sempre lembro do episódio dos Simpsons, “Take My Life, Please”, da 20th Temporada. [risos]

Adicione o extrato de tomate e deixe ferver, mexendo com frequência, até o molho ficar espesso (uns 15 a 20 minutos).

Desligue e deixe esfriar. Para finalizar, retire o louro e passe o mixer no molho para deixar uniforme e fino.

Se você provar o molho separadamente, irá notar que o sabor não é impressionante, mas ao adicioná-lo na pizza fará toda a diferença na composição do sabor final.

Essa receita rende aproximadamente 6 pizzas de 30cm, utilizando 3 colheres de sopa por pizza.

Você pode duplicar ou triplicar a receita para congelar. Separe a quantidade desejada para porções individuais em saquinhos pra freezer e congele. Dessa forma, quando for fazer uma noite de pizzada, basta descongelar.

Veja também:

A Melhor Massa de Pizza
Pizza de Abobrinha

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em Abril 28, 2013 em Molhos, Pizzas

 

Etiquetas: , , , , , , , ,

Carne de Panela à Mexicana

Após algum tempo de férias sem publicar no blog, iniciarei a temporada 2013 com prato caliente, só para os fortes (risos).

Pra quem gosta de comida simples, mas com muito sabor, essa receita é ótima.

Vamos aos ingredientes. costumo fazer uma porção maior para congelar, mas creio que sirva de 6 a 8 pessoas tranquilamente:

  • 1 kg de carne Acém  (pode ser coxão mole, músculo, lagarto, paleta sete, entre outros) ;
  • 2 pimentões verdes;
  • 2 pimentões vermelhos;
  • 4 cebolas médias;
  • 7 dentes de alho;
  • 4 alho-poró (cebolão);
  • 400 gr de tomate sem pele;
  • 2 tabletes de caldo de carne;
  • azeite;
  • shoyu;
  • pimenta chili em pó;
  • 1 pimenta habanero em conserva.

Primeiro vamos primeiro preparar a carne. Eu optei por deixar a peça de carne inteira pra temperar.

No dia anterior, com uma faca de ponta fina, faça 4 furos em partes diferentes da peça, e coloque em cada furo um dente de alho.

Em uma tigela, coloque a carne, pique 2 cebolas e adicione o shoyu, o suficiente para formal um caldo no fundo da tigela.

Misture tudo e em seguida despeje tudo em um saco de freezer. Feche bem e misture novamente. Coloque na geladeira e de tempo em tempo dê uma mexida.

No dia seguinte, retire a carne do molho (descarte o molho), e frite a peça em uma panela grande, com o fundo levemente coberto com azeite.

Assim que a carne estiver bem corada, retire da panela, e aproveitando o mesmo azeite, adicione a o resto da cebola picada. Deixe fritar alguns instantes e adicione o restante do alho picado.

Prepare o alho-poró. Corte em rodelas a partir da parte branca, até onde ainda estiver macia. Não use as folhas que são duras. Se quiser pode congelar para usar em outras receitas.

Adicione o alho-poró em rodelas, os pimentões verdes e vermelhos cortados em cubos, sem os grãos, os tomates sem pele amassados e um pouco de shoyu para formar um caldo.

Mexa tudo e deixe ferver por alguns instantes.

Corte a carne em tiras grossas e adicione ao molho, junto com os tabletes de caldo de carne, pimenta chili a gosto e um habanero inteiro picado.

Deixe ferver em fogo médio/baixo, mexendo com frequência para não grudar, até pimentões estarem praticamente desmanchados e a carne macia.

Pode ser servido com arroz e purê de batata ou com aipim, acompanhado de uma cerveja Lager, como Dos Equis (XX) ou Sol Premium,

Observação: Não faça esse prato se você esqueceu de comprar a cerveja. (risos)

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em Abril 14, 2013 em Carnes

 

Etiquetas: , , , , , , , , , , , , , , ,

Pizza de Parma com Rúcula

Eu vi essa receita em um livro e pra mim foi uma novidade.

Achei muito boa a ideia de combinar parma com rúcula e o sabor ficou incrível.

Vamos aos ingredientes para uma pizza de 30 cm:

  • 150 gramas de queijo mussarela ralado;
  • 160 gramas de molho de tomate pra pizza;
  • 100 gramas de presunto parma (ou outro presuntos cru);
  • 1 maço médio de rúcula;
  • 50 ml de azeite de oliva;
  • tempero para pizza à gosto.

Primeiro vamos montar a base da pizza que em resumo será uma pizza de mussarela normal.

Espalhe bem o molho da pizza de forma regular até as bordas. Espalhe uniformemente o queijo mussarela e o tempero para pizza.

Leve ao forno até a massa da pizza escolhida estar assada.

Enquanto a pizza assa, prepare a rúcula. Lave bem e retire o caule, deixando apenas as folhas.

Rasgue o presunto parma com as mãos para ficar pedaços menores.

Assim que a pizza estiver assada, retire do forno com cuidado para não se queimar, espalhe as folhas de rúcula por toda a pizza e em seguida os pedaços de presunto parma por cima.

Feito isso, regue com azeite de oliva e está pronto para servir.

Este sabor não pode ser congelado.

Veja também:

A Melhor Massa de Pizza
Pizza de Abobrinha
Molho pra Pizza

 
1 Comentário

Publicado por em Dezembro 21, 2012 em Pizzas

 

Etiquetas: , , , , , ,

 
Daniel Dalonso | Fotografia

Paixão pela arte de fotografar!