RSS

Arquivo de etiquetas: purê de batata

Carré de Cordeiro

Muitas vezes quando estou com vontade cozinhar mas estou sem grandes ideias, vou ao supermercado e me deixo levar pelas promoções. Comumente me surpreendo com os pratos que essa prática me proporciona.

Eis que a promoção da vez era a famosa carne da alta culinária internacional, o Carré de Cordeiro. Uma carne de sabor peculiar e de fácil preparo.

Veja os ingredientes:

  • 1 peça de carré de cordeiro;
  • sal grosso moído;
  • pimentas moídas.

Para preparar esse prato, optei pela simplicidade. Deixe a peça de carré de cordeiro inteira e passe o sal grosso moído por toda ela. Não precisa economizar no sal por ser uma peça grande.

Faça o mesmo com as pimentas. Eu usei um mix de pimentas, que tem pimenta do reino preta, pimenta do reino branca, pimenta rosa, pimenta calabresa e pimenta da Jamaica.

Leve à grelha bem aquecida. Deixe alguns minutos de cada lado até que fique com aparência de bem assada. Não se preocupe com a carne ficar dura ou seca, pois o carré de cordeiro de um lado é osso e do outro é uma generosa capa de gordura.

Quando estiver assada, retire da churrasqueira e com uma faca “potente”, separe cada ossinho em um bife individual como na foto de capa. Eu usei um cutelo ao invés de uma faca. Se você achar o ponto de junção do osso, será bem tranquilo de separar.

Está pronto para servir, combina muito bem com um purê de batata. Se preferir, um fio de azeite de oliva por cima da uma graça ao prato.

Para acompanhar, um bom vinho tinto Malbec combina muito bem.

Bom apetite!

Veja também:
Picanha Grelhada
T-Bone no Forno
Costela Assada
Espetinho à Uruguaya

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em Setembro 1, 2013 em Carnes

 

Etiquetas: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Strogonoff de Camarão

Pra mim só existe um prato melhor que strogonoff de carne, o strogonoff de camarão. [risos]. Não fazemos com frequência, mas quando fazemos é um acontecimento.

Segue ingredientes:

  • 300 gramas de camarão branco pré-cozido descascado;
  • 340 gramas de molho de tomate tradicional;
  • 1 dente grande de alho;
  • 1 cebola média;
  • 1 colher de sopa de colorau;
  • 1 pimenta dedo de moça;
  • 200 gramas de creme de leite de caixinha;
  • 50 gramas de champignon fatiado;
  • azeite;
  • sal a gosto.

Em uma panela com fogo médio, coloque um fio de azeite e refogue a cebola picada, após adicione o alho picado,  a pimenta dedo de moça picada sem semente e por último o colorau.

Adicione o camarão, misture e deixe fervendo por 3 minutos. Adicione o molho de tomate, o sal a gosto e reduza o fogo. Tampe e deixe até ferver.

Quando estiver borbulhando adicione o champignon fatiado e o creme de leite. Uso o creme de leite de caixinha porque os demais tipos se ferverem vão talhar e estragar a receita.

Desligue o fogo e está pronto para servir com arroz ou purê de batata e batata palha extra fina.

Para acompanhar, um vinho branco vai bem.

Bom apetite!

Veja também:
Strogonoff de Carne
Carne de Panela à Mexicana
T-Bone no Forno
Picanha Grelhada

 
1 Comentário

Publicado por em Agosto 11, 2013 em Carnes, Molhos

 

Etiquetas: , , , , , , , , , , , , , ,

Strogonoff de Carne

Esse é com certeza o meu prato favorito, porém é muito raro achar um restaurante que sirva um strogonoff de qualidade, ou pelo menos razoável. Moral da história, quer um strogonoff gostoso, faça você mesmo.

É rápido, fácil, barato e gostoso. Tudo que é necessário para uma refeição sem grandes pretensões.

Segue ingredientes:

  • 700 gramas de alcatra sem osso;
  • 340 gramas de molho de tomate tradicional;
  • 170 ml de água;
  • 2 dentes grandes de alho;
  • 1 cebola grande;
  • 1 colher chá de páprica picante;
  • 1 pitada de mostarda em pó inglesa;
  • 1 pitada de pimenta habanero;
  • 1 pitada de pimenta síria;
  • 200 gramas de creme de leite de caixinha;
  • 160 gramas de champignon fatiado;
  • azeite;
  • sal a gosto.

Vamos iniciar preparando a carne. Eu comprei alcatra pra strogonoff já picada, mas você pode comprar uma peça inteira, e cortar em tirinhas fininhas. Em uma panela com fogo alto, coloque um fio de azeite e adicione a carne. Vá mexendo para que fique soltinha. Frite até que evapore toda a água. 

Adicione o alho, misture com a carne e em seguida adicione a cebola. Misture até a cebola começar a dourar, adicione o sal a gosto, a páprica picante, a pimenta habanero, a mostarda em pó inglesa e a pimenta da síria. Misture bem e abaixe um pouco o fogo.

Adicione o molho de tomate, a água e deixe ferver em fogo médio até o molho engrossar. Adicione o champignon fatiado e deixe ferver mais alguns instantes. Nesse ponto você pode retirar metade do molho e congelar para usar outro dia, basta descongelar e continuar a receita desse ponto.

Com a restante do molho que sobrou na panela, adicione o creme de leite e mexa bem até ferver. Uso o creme de leite de caixinha porque os demais tipos se ferverem vão talhar e estragar a receita.

Desligue o fogo e está pronto para servir com arroz e batata palha extra fina. Ao invés do arroz, já usei purê de batata e ficou muito bom. Para beber, um suquinho natural de laranja.

Apesar de ter sido usado várias pimentas, a picância é bem suave porque foram adicionados pequenas quantidades, dando sabor mas não ardência.

Caso você queira modelar o arroz como na foto, pegue um potinho de porcelana, unte com manteiga e pegue o arroz fresco, ainda sem ter terminado completamente a fervura e coloque no potinho, apertando com a colher. Vire no prato, mas não retire desenforme de imediato. Deixe uns 3 a 5 minutos para terminar a fervura e aí sim desenforme. Irá manter a forma e quando for comer o arroz estará bem soltinho.

Bom apetite!

Veja também:
Costelinha com Geleia de Morango com Pimenta 
T-Bone no Forno
Picanha Grelhada

 
1 Comentário

Publicado por em Junho 30, 2013 em Carnes, Molhos

 

Etiquetas: , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Carne de Panela à Mexicana

Após algum tempo de férias sem publicar no blog, iniciarei a temporada 2013 com prato caliente, só para os fortes (risos).

Pra quem gosta de comida simples, mas com muito sabor, essa receita é ótima.

Vamos aos ingredientes. costumo fazer uma porção maior para congelar, mas creio que sirva de 6 a 8 pessoas tranquilamente:

  • 1 kg de carne Acém  (pode ser coxão mole, músculo, lagarto, paleta sete, entre outros) ;
  • 2 pimentões verdes;
  • 2 pimentões vermelhos;
  • 4 cebolas médias;
  • 7 dentes de alho;
  • 4 alho-poró (cebolão);
  • 400 gr de tomate sem pele;
  • 2 tabletes de caldo de carne;
  • azeite;
  • shoyu;
  • pimenta chili em pó;
  • 1 pimenta habanero em conserva.

Primeiro vamos primeiro preparar a carne. Eu optei por deixar a peça de carne inteira pra temperar.

No dia anterior, com uma faca de ponta fina, faça 4 furos em partes diferentes da peça, e coloque em cada furo um dente de alho.

Em uma tigela, coloque a carne, pique 2 cebolas e adicione o shoyu, o suficiente para formal um caldo no fundo da tigela.

Misture tudo e em seguida despeje tudo em um saco de freezer. Feche bem e misture novamente. Coloque na geladeira e de tempo em tempo dê uma mexida.

No dia seguinte, retire a carne do molho (descarte o molho), e frite a peça em uma panela grande, com o fundo levemente coberto com azeite.

Assim que a carne estiver bem corada, retire da panela, e aproveitando o mesmo azeite, adicione a o resto da cebola picada. Deixe fritar alguns instantes e adicione o restante do alho picado.

Prepare o alho-poró. Corte em rodelas a partir da parte branca, até onde ainda estiver macia. Não use as folhas que são duras. Se quiser pode congelar para usar em outras receitas.

Adicione o alho-poró em rodelas, os pimentões verdes e vermelhos cortados em cubos, sem os grãos, os tomates sem pele amassados e um pouco de shoyu para formar um caldo.

Mexa tudo e deixe ferver por alguns instantes.

Corte a carne em tiras grossas e adicione ao molho, junto com os tabletes de caldo de carne, pimenta chili a gosto e um habanero inteiro picado.

Deixe ferver em fogo médio/baixo, mexendo com frequência para não grudar, até pimentões estarem praticamente desmanchados e a carne macia.

Pode ser servido com arroz e purê de batata ou com aipim, acompanhado de uma cerveja Lager, como Dos Equis (XX) ou Sol Premium,

Observação: Não faça esse prato se você esqueceu de comprar a cerveja. (risos)

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em Abril 14, 2013 em Carnes

 

Etiquetas: , , , , , , , , , , , , , , ,

 
Daniel Dalonso | Fotografia

Paixão pela arte de fotografar!