RSS

Pizza Marguerita

28 Jul

Há muito tempo atrás a dona Maria me pediu para fazer uma pizza de tomate, conhecida com Marguerita. A minha reação imediata foi “WHAT?” Como assim pizza marguerita? E a calabresa? e o bacon?

Como a última palavra aqui em casa sempre é minha [risos], acabei fazendo e pra minha surpresa ficou muito boa. Muito boa mesmo.

Atualmente é a melhor pizza que já comi e virou uma tradição aqui em casa. Sempre que faço pizza, um dos sabores obrigatórios é a marguerita.

Vamos aos ingredientes para uma pizza de 30 cm:

  • massa de pizza (veja a receita A Melhor Massa de Pizza);
  • 160 gramas de molho de tomate pra pizza (veja a receita Molho pra Pizza);
  • 150 gramas de queijo mussarela ralado;
  • 4 tomates médios bem maduros;
  • 2 galhinhos de manjericão fresco.
  • 50 gramas de queijo provolone relado;
  • azeite de oliva;
  • orégano.

Primeiro vamos preparar o tomate. Ferva a água e coloque em uma tigela. Pegue os tomates e faça um corte na parte de baixo deles, no formato de cruz,  ou de um “+” ou se preferir, um “X”. [risos]

Coloque os tomates dentro da tigela com a água fervente. Após uns 5 minutos você irá notar que a pele do tomate começou a soltar. Retire os tomates da água com cuidado para não se queimar e em uma torneira com água fria você conseguirá lavar o tomate soltando a pele com a mão.

Importante: o tomate tem que estar bem maduro senão a pele não solta e não ferva a água junto com o tomate senão irá se desmanchar. O tomate é adicionado na água já fervendo.

Feito isso, retire o miolo do tomate e pique em cubinhos.

Eu prefiro o tomate picado porque na minha opinião fica mais saboroso. Recomendo que o melhor momento de provar este sabor é na época de colheita do tomate, quando o seu sabor fica mais intenso, doce e não muito acido e com isso mais gostoso que o tomate fora de estação.

Agora vamos montar a pizza:

Espalhe bem o molho da pizza de forma regular até as bordas. Espalhe uniformemente nessa ordem: o queijo mussarela, os tomates picados, o queijo provolone e um pouco de orégano, só o suficiente pra dar um gostinho.

Lave bem o manjericão e retire as folhas do caule e espalhe-as bem sobre a pizza. Utilize manjericão fresco para dar um sabor mais intenso. Nos maiores supermercados sempre vendem maços de manjericão fresco.

Regue a pizza com azeite de oliva de qualidade, principalmente sobre as folhas de manjericão, para que elas não queimem no forno, deixando um gosto amargo.

Leve ao forno, se a massa não for pré-assada, o ponto é quando o queijo começar a borbulhar no centro da pizza.

Retire do forno com cuidado para não se queimar e está pronto para servir.

Este sabor não pode ser congelado.

Veja também:

Pizza de Parma com Rúcula
Pizza de Abobrinha
Pizza Aperitivo (crostini)

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em Julho 28, 2013 em Pizzas

 

Etiquetas: , , , , , , , , , , , , , , , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
Daniel Dalonso | Fotografia

Paixão pela arte de fotografar!

%d bloggers like this: